18.9.07

A menina que olhava

Um dia conheci uma menina que olhava
Ela olhava e olhava
E não parava de olhar
Para qualquer um ou qualquer coisa
Ela parecia não se importar


Olhava o céu


Olhava o chão

Ela olharia para você
Durante horas
E você nem saberia o porquê
Ela
simplesmente olhava

Mas um dia
Após tanto olhar
Esgotou-se
Fechou os olhos
E passou a sonhar.


23 comentários:

Otávio B. disse...

o universo do sonhar é algo paralelo, livre, não é verdade? Podemos ir a qualquer lugar, a qualquer dimensão, a qualquer ponto, existente ou não, apenas com um pensamento...É por isso que eu gosto muito mais de ficar nesse universo do que em qualquer outro rsrs

Beijos

Silvia Madureira disse...

Está amoroso! Adorei as imagens porque torna o texto ao mesmo tempo infantil mas com uma mensagem muito poderosa...que é sempre a do amor ...mas feita de uma forma tão querida que parece um conto infantil.

Beijos

Catarina disse...

Oi...adorei as impressões que seu blog me passou...tenho um amigo poeta na cidade de São Luís do Maranhão que escreveu recentemente um texto sobre uma menina como uma metáfora sobre o poeta...é um escrito lindo e triste...ele também tem um blog: http://dylpires.zip.net/, mas lá não tá o texto sobre a menina...esse só vc pedindo...

Catarina disse...

E me idenficando melhor...eu faço para da comunidade da Alejandra Pizarnik e vc me enviou um link p/ o seu blog...bem, é isso. abraços e apareça!

Edna Federico disse...

As imagens são fofas!
Observadora a menina...olhou tudo, para depois sonhar tudo...será que vai realizar?
Beijo

Dalaila disse...

Gostei deste canto!

Que o olhar não se esgote, porque se cruza no sonhar

Som do Silêncio disse...

Olá!

Delicioso este texto.
Adorei mesmo!

Beijo Silencioso

Girassol disse...

Sou um pouco como essa menina.
Necessidade quase voraz de olhar tudo, olhar todos... e sonhar muito...
Adorei as imagens a acompanhar o texto. =)

Beijo.

GarçaReal disse...

O sonho é sempre melhor que a realidade...


bjgrande

Doutroladodomar disse...

Puxa, que sacada, Bina. Também costumo olhar , pra tudo, pra todos, pra dentro...cansa mesmo..vez ou outra é preciso descansar ...e sonhar. Beijo!

Isa disse...

que cantinho fascinante.. adorei.. voltarei mais vezes..

Beijinhos :)

Anônimo disse...

Bem não tenho palavras pra descrever esse conto maravilhoso.Ela, a menina, olhava simplesmente para se espelhar em alguém ou em algo.Metaforicamente falando ela fechou os olhos para memorizar seu (s) sonho (s) e uma forma como poderá realizá-lo(s).
Também pode ser visto como que o dia em que ela fechou os olhos foi que cansou de olhar pra cima e ver somente fumaça, de olhar para baixo e ver seca e muita destruição e de olhar para "você" e não ter o que se espelhar.Decididamente morreu de tristeza com o que viu.
Beijão e continua escrevendo maravilhosamente como o faz.
Miletras(orkut)

Dhyana disse...

Bina, obrigada pela visita e por este belo poema. Adorei.
Espero que o sonho tenha sido o mais belo deste Mundo e que a "menina" tenha encontrado o seu caminho.
Beijos...

Mônica disse...

Oi Bina! Curiosa por saber mais sobre as pessoas que estão envolvidas no projeto da Nova coletânea, acabei aqui, no seu espaço. Entrei, olhei, como a menina da poesia, prá cima, prá baixo, e sonhei também...é impossível não fazê-lo lendo vc.
Gostei muito da maneira como escreve, das ilustrações, e do clima que envolve esse espaço, parabéns.
Bj!

Ta Pá disse...

muito bom , adorei o texto e os desenhos.
acho que para sonhar é presiso viver, ou pelomenos para sonhar com o coração, se sonha.... ou pelomenos eu sonho, com o que amo, com o que quero muito, com o que me feríu...em fim, eu sonho com aspectos que de uma forma ou outra estão ligados a minha vida, passada, presente ou futura.
Bom, texto, bons desenhos, fazem vc pensar.

francis disse...

Pode se tornar bem desconfortável para as pessoas só olhar. Às vezes digo algumas palavras só para não parecer louco e elas me deixam continuar só olhando por um tempo até que fique embaraçoso. Palavras são como pedágios. =)

Fernanda Passos disse...

Ela vacilou! Dá pra sonhar de olhos bem abertos.
Beijos Gina.
Belo texto.

BABI SOLER disse...

mas quem muito olha, muito aprende, muito rejeita, muito amadurece, muito cria e muito aparece...rs

Tem uma coisinha pra você lá no meu.

Beijo!

murmurios disse...

Sonhar é uma das coisas que não nos podem roubar...

Beijo e bom fim de semana!

Osc@r Luiz disse...

E sonhava... e sonhava...
Um dia parou de sonhar e começou a realizar!
Beijo, minha amiga.
Bom domingo e boa primavera pra você!

Adroaldo Bauer disse...

Um sonho essa menina.

Mariane Monteiro disse...

LIndo! Amo passar por aqui! Parabéns pelo blog. bjs

HERCÍLIA FERNANDES disse...

Bina AMEI estes versos!!!
Lindo demais! E, a ilustração não poderia ser mais apropriada.

PA-RA-BÉNS!!!

Abraços, HF.